Olimpia 24 Horas

ONCOLOGIA - Encontro inédito discute o papel dos profissionais de enfermagem nos tratamentos

Postado em: 09/08/2018

Iniciativa tem a chancela da ONS (Oncology Nursing Society)

Atenção, cuidado, responsabilidade e conforto é o que todo paciente oncológico espera encontrar ao iniciar seu tratamento – muitas vezes bastante agressivo. Essas são palavras que definem bem a atuação do profissional de enfermagem, aquele que em seu dia-dia cuida dos pacientes e suas famílias.



Infelizmente, a dura realidade é que, apesar de tanto esforço, os enfermeiros e enfermeiras ficam com o papel de coadjuvantes no tratamento do câncer. “Isso acontece porque os médicos acabam levando todo o crédito pelo sucesso da cura, e a equipe de enfermagem não recebe o devido reconhecimento”, afirma Marlene Oliveira, empreendedora social e presidente do Instituto Lado a Lado pela Vida, ONG que atua com prevenção na área da saúde.

Este será apenas um dos temas discutidos no Primeiro Congresso Oncology Nursing Brazil 2018, realizado em São Paulo, nos dias 10 e 11 de agosto, no Hotel Intercontinental. “Este Congresso representa um marco na história da enfermagem oncológica brasileira porque, pela primeira vez, teremos um evento com a chancela da ONS (Oncology Nursing Society), a mais importante da área”, afirma Verônica Torel enfermeira oncológica e especialista em Práticas Avançadas em Oncologia, além de coordenadora do evento.

Ela explica que o objetivo do evento é promover a atualização dos enfermeiros oncológicos de acordo com as melhores práticas desenvolvidas nos Estados Unidos e também no Brasil. “Vamos apresentar diversas condutas e práticas dos dois países, baseadas em evidências, considerando desde a prevenção até os sobreviventes do câncer”, completa a enfermeira.

Ela revela que os temas a serem abordados foram trazidos do 43° Congresso realizado pela Oncology Nursing Society, realizado em junho passado, em Washington DC, tais como práticas avançadas e oncologia, oncogenética, oncogenômica, imunoterapia, terapias de suporte, avanços na medicina alterativa e controle de sintomas, entre outros.

“Este evento foi cuidadosamente planejado para atender às necessidades dos enfermeiros brasileiros, para que eles possam sempre fazer a diferença dentro do hospital”, afirma Verônica.

Programação

A abertura do evento será realizada por Marlene Oliveira, presidente do Instituto Lado a Lado pela Vida. Sua palestra será focada na importância do papel da enfermagem no tratamento de pacientes oncológicos e seu empoderamento na área médica. “Vamos trazer casos de sucesso de enfermeiras norte-americanas que são reconhecidas pela comunidade médica e que poderão servir de base e até mesmo replicados por profissionais brasileiros”, revela Marlene.

Entre os destaques, estão enfermeiras renomadas como Julie Ponto, PhD, professora de enfermagem e coordenadora do Programa de Especialização de Gerontologia na Universidade do Estado de Winona, Rochester, Minnesota, nos EUA. Dra. Ponto fez mestrado em enfermagem na área de oncologia na Universidade da Califórnia e PHD na Universidade de Utah. Trabalha com oncologia há mais de 30 anos, foi presidente da Corporação de Certificados de Enfermagem em Oncologia (ONCC) e foi certificada como enfermeira do ano pela mesma entidade.

Lauri Linder, PhD, é professora associada na Universidade de Utah, como enfermeira oncológica pediátrica. É especialista em enfermagem clínica no Hospital Infantil Primário em Salt Lake City, também em Utah. Seus interesses de pesquisa incluem gestão de sintomas e cuidados de crianças, adolescentes e jovens adultos com câncer. Sua pesquisa inclui ainda novos usos da tecnologia móvel, baseada em saúde, para apoiar pacientes jovens a comunicarem seus sintomas e experiências.

O terceiro destaque fica por conta da presença de Susan Bohnenkamp, enfermeira clínica especialista da Banner University Medical Center, em Tucson, no Arizona. Tem mais de 30 anos de experiência em enfermagem oncológica. Bohnenkamp recebeu seu diploma de bacharel em Ciências da Universidade do Estado de Dakota do Sul e seu grau de mestre em Ciências da Universidade do Arizona.


Sobre o Instituto Lado a Lado pela Vida

Instituto Lado a Lado pela Vida tem a missão de ampliar o acesso às novas tecnologias e humanizar a saúde de norte a sul do Brasil através do diálogo, do acolhimento e da promoção do bem-estar físico e emocional. Para isso, a equipe do Instituto percorres o país propagando a importância da prevenção, do autocuidado e da autoestima, levando para homens, mulheres e crianças essa conscientização de que a saúde é o bem mais valioso e merece atenção especial. Saiba mais e faça parte desse desafio e dessa nobre missão. www.ladoaladopelavida.org.br 

Leia Também

Entre em Contato

(17) 99769-5656 WhatsApp

[email protected]

Jornalista responsável:
Julio César Faria
Julião Pitbull - MTB 53113

Cadastre-se e receba
Informativos
Olímpia24Horas nas Redes Sociais