Olimpia 24 Horas

MONSENHOR ANTONIO - BATISMO DO SENHOR: O FILHO AMADO

Postado em: 13/01/2019

O Batismo de Jesus tem um significado especial e uns resultados importantíssimos para todos nós. Infelizmente quase todos nós desconhecemos a importância do sacramento do batismo e dos seus resultados; por isso, a maioria dos cristãos batiza seus filhos sem saber o porquê, nem conhecer os compromissos assumidos, depois eles crescem e levam uma vida de pagãos, com péssimas consequências para a pessoa e para a sociedade.

No batismo de Jesus, Deus nos revela quem é Jesus, o porquê Ele é batizado antes de iniciar a sua vida pública, o porquê Deus o apresenta como seu filho amado, a razão da presença do Espírito Santo, e o porquê foi batizado no rio Jordão. Todos estes detalhes do batismo de Jesus são gestos visíveis para que nós entendamos a realidade invisível do nosso batismo.               

          Deus proclama a Jesus de Nazaré como seu filho amado! Esta afirmação nos custa de entender porque aprendemos, desde criança, que Ele é o Filho de Deus feito homem, sendo que Ele se apresenta como “filho do homem”, e Ele é o primeiro filho da primeira família do povo escolhido por Deus. O profeta o apresenta como o filho nascido duma mulher. São Paulo afirma: “Ele se fez igual a nós em tudo, menos no pecado”.Muitos perguntam: porquê Ele foi batizado se não tinha pecado? A resposta é: para dar-nos exemplo e mostrar-nos que o batismo é o gesto com o qual mostramos que queremos fazer parte do povo de Deus, e precisamos o perdão dos nossos pecados. E que as palavras: “Tu és meu filho amado”, são dirigidas a pessoa de Jesus, o primeiro filho da primeira família escolhida por Deus, para ser a base do Seu povo, e ensinar-nos que, se queremos seguir o exemplo de Jesus, precisamos receber o sacramento do batismo, receberemos o perdão do pecado, e participaremos, como Jesus, a dignidade de filhos adotivos de Deus.

          “Apareceu o Espírito Santo em forma de pomba”, para dar-nos entender que,  mais importante que as coisas materiais, são os valores espirituais, como a Sabedoria, a Paz, a Felicidade, e os outros valores que o Pai dá a seus filhos para que vivamos em paz, sejamos felizes, e construtores do seu Reino. Jesus recebeu o Espírito Santo ao iniciar a sua vida pública, e pediu aos apóstolos que não se afastassem de Jerusalém até receber o Espírito Santo. Também nós, no batismo, O recebemos para que tenhamos a certeza de que podemos contar com Ele, para cumprir os nossos deveres, praticar o bem, e viver em paz. Como Jesus, durante a sua infância e juventude participava em companhia de seus pais, e no rio Jordão foi sozinho para iniciar a sua missão, também nós, deveríamos ser preparados em companhia dos nossos pais, para que, quando chegar a hora de assumir a nossa missão, tivéssemos a certeza de que podemos contar com a presença do Espírito Santo.

          Jesus foi batizado no rio Jordão, e não no templo de Jerusalém; como quis nascer numa gruta em Belém, porque é nestes lugares que os pobres encontram acolhida. O templo de Jerusalém, já havia sido invadido pelos ricos e poderosos, que o haviam convertido numa toca de ladrões que exploravam os pobres. Estes pequenos detalhes da vida de Jesus devem preocupar-nos ao ver tantos pobres abandonados e explorados na periferia das nossas cidades.

Monsenhor Antônio Santcliments Torras

Leia Também

Entre em Contato

(17) 99769-5656 WhatsApp

jul[email protected]

Jornalista responsável:
Julio César Faria
Julião Pitbull - MTB 53113

Cadastre-se e receba
Informativos
Olímpia24Horas nas Redes Sociais