Olimpia 24 Horas

MONSENHOR ANTONIO - 1º Domingo de Advento - A Arca de NOÉ

Postado em: 01/12/2019

Neste domingo iniciamos um novo ano litúrgico ouvindo uma história que muitos de nós ouvimos nos encontros de catequese, mas o padre e o catequista que no-la contavam, não nos explicavam qual era o seu significado porque nem eles sabiam. Hoje é o profeta Isaías que, preparando-nos para a vinda do Messias (2,1-5), começa fazendo referência “à uma cidade construída a cima de um monte que ninguém pode esconder.”Assim será com o povo de Deus, do qual todos nós somos convidados a fazer parte para ser sermos salvos, porém acontecerá como a Arca que Deus pediu a Noé construir para salvar a vida de todos os que Ele estava preparando para salvar o Seu povo, mas só foram salvas as famílias de Noé e dos seus filhos, porque os outros a desprezaram. E termina a leitura dizendo: “Vinde, todos da casa de Jacó, e deixemo-nos guiar pela luz do Senhor.” Muitas famílias e o mundo estão perdidos porque dizem que celebram o Natal de Jesus, mas seguem as teorias do Papai Noel.

          São Paulo, na carta aos romanos nos adverte (13,11-14) que está na hora de entrarmos na casa do Senhor, que é a Igreja, para sermos salvos: “Irmãos, vos sabeis em que tempo estamos, pois já é hora de despertar. Com efeito, agora a salvação está mais perto de nós do que quando abraçamos a fé. A noite está adiantada, o dia vem chegando: despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da luz Procedamos honestamente, como em pleno dia: nada de glutonerias e bebedeiras, nem orgias sexuais e imoralidades, nem de brigas e rivalidades. Pelo contrário, revesti-vos do Senhor Jesus Cristo.”

          Jesus termina a mensagem deste domingo fazendo referência, novamente, a  Arca de Noé, dizendo: “A vinda do Filho do homem será como no tempo de Noé. Pois, dias antes do dilúvio, todos comiam e bebiam, casavam-se e se davam em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca. E eles nada perceberam, até que veio o dilúvio e arrastou a todos. Assim acontecerá também na vinda do Filho do homem. Dois homens estarão trabalhando no campo: um será tirado e o outro será deixado. Duas mulheres estarão moendo no moinho: uma será levada e a outra será deixada. Portanto, ficai atentos porque não sabeis em que dia virá o Senhor. Compreendei bem isto: se o dono da casa soubesse a que hora viria o ladrão, certamente vigiaria e não deixaria que a sua casa fosse arrombada. Por isso, também vós ficai preparados! Porque, na hora em que menos pensais, o Filho do homem virá.”

          Com esta advertência, Deus nos oferece mais uma oportunidade para que nós aproveitemos o tempo Ele nos concederá para demonstrar com a nossa vida se queremos ser fiéis aos seus ensinamentos e ajudá-lo a reconstruir o mundo que Ele criou para o bem-estar de todos, ou preferimos seguir os falsos conselhos do inimigo que causou tantas desgraças e é a causa de toda a corrupção e de toda a violência que atormentam a nossa vida neste mundo e poderão ser a causa de nossa condenação eterna.

            Somos livres!Podemos escolher!

                      Monsenhor Antonio Santcliments Torras

Leia Também

Entre em Contato

(17) 99769-5656 WhatsApp

[email protected]

Jornalista responsável:
Julio César Faria
Julião Pitbull - MTB 53113

Cadastre-se e receba
Informativos
Olímpia24Horas nas Redes Sociais