Olimpia 24 Horas

FLAGRA NA SÃO JOSÉ! PM prende mulher quando apurava denúncia de tráfico em casa do bairro

Postado em: 12/01/2019

Na noite desta sexta-feira, 11, segundo o BO PM, quando uma equipe da PM patrulhava as ruas do bairro Jardim São José, em Olímpia, recebeu informações de que Lúcio “Borracheiro”, na verdade Mario Lucio Lucas, 42 anos, e sua esposa estariam realizando o tráfico de entorpecentes na casa deles, imóvel localizado na travessa José Joaquim Santana, 65, Bairro Jardim São José. Isso foi o que chegou para a PM.

Diante da denúncia imediatamente os policiais da equipe "B", comandada pelo CGP II Sgt Vinícius, composta por Ele e os policiais Cb Reginaldo, Cb Diego e Sd Andrioli, com apoio dos colegas policiais Sgt Paneque e Sd Hial, foram averiguar os fatos.

Lá, segundo o relato policial, quando a VTR entrou na referida rua, alguém, ao perceber a chegada da PM, entrou e fechou o portão rapidamente. Os policiais chegaram juntos e encontraram na porta da cozinha da casa a esposa de Mario Lucio, M.L., ela que foi indagada se na casa havia drogas conforme alguém havia denunciado. 

Segundo o BO PM a esposa de Mario Lucio negou dizendo que lá não havia nada ilegal e que seu marido não estava em casa. Mas a PM afirma que alguém correu e fechou rapidamente o portão. Seria então o marido dela? Consta no BO PM que M.L., esposa do denunciado, até autorizou a entrada da equipe policial na casa.

Durante busca domiciliar, no quarto do casal foi encontrada 01 caixa com aproximadamente 5.500 pinos vazios e 01 agenda com anotações de venda de drogas, segundo a PM. Dentro da tal agenda havia a quantia de R$ 300 reais em dinheiro e dentro da bolsa de M.L. a quantia de R$ 329 reais, também em grana viva.

Continuando as buscas no local, foram localizados no telhado da casa, em cima do forro, 55 pinos cheios de cocaína e 05 pedras de crack.

Imediatamente, como o marido dela não estava os policiais deram voz de prisão à mulher que foi levada para a UPA onde passou por exame de corpo de delito, e em seguida, levada para a delegacia de polícia de Olímpia com as drogas, grana e milhares de pinos vazios.

Analisado o caso, o delegado do plantão, Ricardo Afonso Rodrigues, decidiu ratificar a prisão em flagrante da mulher que permaneceu presa e à disposição da Justiça.

M.L. seria levada em audiência de custódia no plantão do judiciário deste final de semana onde o Juiz decidirá se ela continuaria presa ou não.

As drogas, pinos vazios e grana foi tudo devidamente apreendido. A PM e a Polícia Civil fizeram a parte deles, mas agora cabe ao Judiciário decidir o futuro da mulher.


EM TEMPO...
Um dos familiares da mulher presa disse ao OLÍMPIA24HORAS que a mulher trabalhava a semana toda e que ela não mexia com drogas. E que ela não poderia pagar pelo erro de outra pessoa. Mas por outro lado, a PM reafirmou que denúncias sim de que o casal vinha traficando drogas naquela região. Fica os registros. Claro, cabe à Justiça decidir...


LEO BOM NA PARADA E MULHER SAI AINDA NA AUDIÊNCIA DE CUSTÓDIA...
E depois de um bom trabalho realizado pelo advogado olimpiense Leo Bom, durante a audiência de custódia, depois de livrar o menor A.S.O. que foi colocado em liberdade mediante algumas medidas cautelares, Leo Bom também conseguiu reverter a prisão preventiva da mulher que foi presa sozinha em casa com drogas que supostamente seriam do marido dela e não dela que segundo a família trabalha diariamente.

Leo Bom bateu na tecla de que ela é dona de casa, tem trabalho e com isso o Juiz decidiu trocar a prisão preventiva por prisão domiciliar. Diante desta decisão ainda na audiência de custódia, assim como o caso do menor, a mulher M.L., também acabou sendo liberada para cunprir provisoriamente sua prisão em casa e responder o processo em liberdade.

Leia Também

Entre em Contato

(17) 99769-5656 WhatsApp

[email protected]

Jornalista responsável:
Julio César Faria
Julião Pitbull - MTB 53113

Cadastre-se e receba
Informativos
Olímpia24Horas nas Redes Sociais