Olimpia 24 Horas

FINAL DOS TEMPOS - Filho ameaça de morte a própria mãe e padrasto usando faca enorme

Postado em: 06/12/2017

Na manhã desta terça-feira (05), por solicitação do COPOM, uma equipe da PM de Olímpia, formada pelos policiais Cb Vieira e Sd Narciso deslocou-se até o distrito de Ribeiro dos Santos para atender uma ocorrência de Ameaça e Violência Doméstica. Era o filho, com uma faca nas mãos, ameaçando matar a própria mãe e o padrasto dele.

Ao chegarem no local dos fatos, rua José Lucírio, 37, CDHU do distrito, os policiais foram informados que o indiciado, Marco Aurélio de Souza (Foto), 29 anos, que consta ser morador da rua Sertãozinho, 208, Jardim São José, em Olímpia, teria ameaçado a própria mãe Vanete Aparecida de Souza,  48 anos, e seu padrasto Ricardo Dias Campos, 62 anos, de morte se utilizando de uma faca grande.

A VERSÃO DA MÃE DO ACUSADO
Segundo contou a mãe, uma das vítimas de Marco Aurélio, ela estava na casa da mãe dela devido ao fato de os eletrodomésticos da casa estarem sumindo. Que o filho dela, Marco Aurélio, vendeu tudo e por isso foi questioná-lo momento em que ele se apossou de uma faca e partiu para cima dela para matá-la. Ao ver a cena, o companheiro de Vanete, Ricardo Dias Campos entrou no meio da confusão na tentativa de evitar que o filho (enteado dele) esfaqueasse a própria mãe. Que neste momento Marco Aurélio tentou matar o marido dela também. Diante da situação e das ameaças ela decidiu acionar a PM de Olímpia que rapidamente compareceu no local dos fatos.

O amásio de Vanete, Ricardo Dias Campos, confirmou a versão da esposa e mãe do acusado Marco Aurélio.

Com a chegada da PM no local, Marco Aurélio foi detido rapidamente e recebeu voz de prisão dos policiais. Em seguida, ele foi levado para a Delegacia da Mulher de Olímpia (DDM), juntamente com as partes, mãe e padrasto, vítimas das ameças de morte.

Na Delegacia da Mulher de Olímpia (DDM) o caso foi encaminhado para a delegada responsável, Debora Cristina Abdala Nobrega.

Analisado o caso, a delegada ratificou a prisão em flagrante de Marco Aurélio que foi enquadrado nos crimes de Ameaça e Violência Doméstica. Como determina a lei, a delegada arbitrou uma fiança no valor de R$ 1 mil reais e como não foi paga (a fiança), Marco Aurélio acabou preso e encaminhado para a Cadeia Pública de Colina onde ficou à disposição da Justiça. Detalhe, Marco Aurélio já tem passagens pela polícia.

Enquanto a faca era apreendida pela Polícia Civil, mãe e marido, vítimas, voltavam para casa. E graças a rápida intervenção da PM e da delegada Debora Cristina, uma situação talvez bem pior acabou sendo evitada. É a PM e a Polícia Civil sempre agindo em defesa da sociedade. Para isso, basta serem acionadas.

Leia Também

Entre em Contato

(17) 99769-5656 WhatsApp

[email protected]

Jornalista responsável:
Julio César Faria
Julião Pitbull - MTB 53113

Cadastre-se e receba
Informativos
Olímpia24Horas nas Redes Sociais