Olimpia 24 Horas

DROGAS - Morador de Sítio é denunciado e flagrado pela PM com drogas e apetrechos em casa

Postado em: 01/08/2019

Na noite desta quarta-feira, 31, uma equipe da PM de Olímpia, formada pelos policiais CGP II Sgt Vieira e Cb Vieira e Cb Mazer e Sd Dameto, receberam uma informação dando conta que no veículo GM Vectra de cor preta placas HSJ-5557, que era conduzido por uma mulher e com dois passageiros, um deles, indivíduo de estatura mediana, branco e gordo, que estaria praticando a venda ilegal de drogas em Olímpia

A| partir desse momento os policiais passaram a patrulhar as ruas com vistas à localizar e prender o autor denunciado.

Instantes depois, durante patrulhamento pelo bairro Harmonia, os atentos policiais da equipe avistaram um GM Vectra preto, veículo que estava trafegando pela rua Alberto Oberg, antigo Picadão. Seria aquele veículo denunciado instantes antes? Os policiais decidiram então checar...

Acompanhado a distância pelos policiais, lá na frente o carro entrou na rua Pedro Álvares Cabral, onde acabou interceptado e seus três ocupantes abordados pelos policiais.

Segundo a PM, a condutora do carro era a jovem M.N.B., 20 anos, moradora de uma propriedade rural de um grande empresário olimpiense localizada no bairro rural Água Parada, município de Olímpia.

Além da condutora também estavam no carro os passageiros, companheiro da jovem, Bruno Augusto Araujo Carpinedo (Foto), lavrador, 26 anos, morador também do mesmo endereço da condutora do carro. Bruno estava no banco da frente. Já o ajudante J.P.S.N., 19 anos, morador do bairro Harmonia, Olímpia, estava no banco traseiro do carro.

Questionados pelos policiais sobre o destino deles e o que faziam por ali, consta no BO PM que os ocupantes do veículo entraram em contradições com relação a versão da jovem que dirigia o carro.

Segundo o BO PM, a divergência de informações começou com Bruno, principalmente quanto ao fornecimento do local da residência dele. Consta que ele teria informado que morava na casa de sua mãe, na alameda José Rodrigues da Silva, bairro Jardim São José, mas a mulher dele deu outra informação, informando que eles moravam em um sítio de Olímpia há um mês mas que eles estão juntos há três anos. E mais, que seu tio, J.P.S.N., sempre vai no sítio visitá-los.

Diante das divergências os policiais resolveram se deslocar até o sítio, pois suspeitavam que Bruno estava mentindo seu endereço para evitar que a guarnição fosse até a casa dele. O que teria lá que a polícia não pederia ir ver?

Ao chegarem no sítio, com os três detidos, a princípio apenas para averiguação, a jovem M. desceu, autorizou e acompanhou os policiais nas buscas realizadas na casa.

Durante a busca domiciliar, de repente, ao olharem no forno do fogão, os policiais localizaram uma sacola plástica. Aberta, dentro havia um pote de plástico azul contendo dentro várias pedras de pasta base de cocaína (0,035 gr), uma balança de precisão pequena, dois rolinhos de plástico-filme e vários saquinhos plásticos, daqueles usados para embalar entorpecentes.

E as buscas continuaram na frente da mulher de Bruno quando sobre o armário da cozinha, foi localizada mais uma balança de precisão, esta tamanho grande.

Do interior da residência as buscas foram para a área externa mas lá, segundo a PM, nada de ilícito foi encontrado.

Com as provas e a descoberta do motivo de Bruno ter mentido o endereço, somente ele recebeu voz de prisão em flagrante mas os três foram levados ao plantão da delegacia de Olímpia. Antes porém os policiais passaram pela UPA - Unidade de Pronto Atendimento 24horas de Olímpia, onde Bruno passou por exame de corpo de delito.

No plantão judiciário, apresentados à delegada de plantão, Debora Cristina Abdala Nobrega, ela ratificou a prisão em flagrante de Bruno pelo crime de tráfico de drogas, mantendo-o encarcerado para apresentação na audiência de custódia nesta quinta-feira.

Já a esposa dele, M., e o passageiro J.P.S.N. foram apenas ouvidos e liberados em seguida. Na delegacia a jovem disse que desconhecia as drogas no fogão. O tio da jovem, J.P.S.N, conforme o BO PM disse que nada tinha à declarar.

Após a lavratura do BO PC 938/19 de tráfico de entorpecentes, drogas e os apetrechos encontrados na casa do sítio foram todos apreendidos e apresentados à Polícia Civil.

Por fim, segundo a PM, o carro, GM Vectra de cor preta, ano 2005, também foi apreendido administrativamente devido as infrações cometidas no trânsito de Olímpia antes da abordagem. Apreendido pela PM o carro foi guinchado ao Pátio do Detran.

Esta portanto mais uma ação positiva da PM de Olímpia em defesa da sociedade.

Policiais militares de Olímpia, Sgt Vieira e Cb Vieira; Cb Mazer e Sd Dameto, parte da Polícia Militar do Estado, a Força Pública de São Paulo!

Leia Também

Entre em Contato

(17) 99769-5656 WhatsApp

[email protected]

Jornalista responsável:
Julio César Faria
Julião Pitbull - MTB 53113

Cadastre-se e receba
Informativos
Olímpia24Horas nas Redes Sociais